Cotações Mapas Notícias em seu e-mail
Precisa vender? Mais de 6.000 visitantes diariamente esperam pelo seu produto aqui no Pecuaria.com.br. Clique aqui e veja como e facil anunciar!
Arroba do Boi - R$ (À vista)
SP MS MG
223,00 213,00 202,00
GO MT RJ
198,00 213,00 208,00
Reposição - SP - R$
Bezerro 12m 1790,00
Garrote 18m 2150,00
Boi Magro 30m 2510,00
Bezerra 12m 1480,00
Novilha 18m 1700,00
Vaca Boiadeira 1900,00

Atualizado em: 24/5/2024 09:44

Cotações da Arroba: SP-Noroeste, MS-Três Lagoas, MG - Triângulo, GO - Região Sul, MT - Rondonópolis, RJ-Campos
Clique aqui e veja cotações anteriores

 

 

 

 


 
Receba, diariamente, em seu
e-mail nosso boletim com os assuntos que mais interessam
ao profissional do setor.

Clique aqui e inscreva-se gratuitamente.


Adriano Garcia
MTb 10252-MG

 

Tensão cresce entre Agro e Governo Lula

 
 
 
Publicado em 18/04/2024

O relacionamento já fragilizado entre o agronegócio e o governo de Luiz Inácio Lula da Silva piorou após o presidente receber representantes do MST no Palácio do Planalto para o lançamento do programa Terra da Gente, que visa beneficiar 295 mil famílias até 2026. Este evento ocorreu na última segunda-feira, dia 15.

As relações se deterioraram ainda mais devido às recentes invasões de terras pelo país, a tentativa do governo de anular a lei do Marco Temporal das Terras Indígenas e declarações polêmicas do ministro da Agricultura, Carlos Fávaro, ao jornal O Globo na sexta-feira, dia 12. Fávaro criticou o presidente da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), deputado federal Pedro Lupion (PP-PR), alegando que ele "talvez ainda esteja no palanque" ao cobrar medidas mais firmes contra as invasões.

Lupion, por sua vez, tem se mobilizado para que projetos que visem combater as invasões de terras ganhem impulso no Congresso. Seus esforços resultaram na aprovação do regime de urgência para o PL 285/2023, que propõe penalidades para invasores, incluindo a exclusão de programas sociais.

Em entrevista ao Estadão, Lupion criticou o programa Terra da Gente. Ele destacou a falta de orçamento e expressou preocupação com a possibilidade de expropriações baseadas em critérios subjetivos de trabalho análogo à escravidão, o que poderia gerar amplas demandas judiciais. "Não vamos passar pano, não vamos defender ninguém que esteja fazendo errado, mas expropriar é algo radical," afirmou o deputado.

Lupion também denunciou a postura do governo em relação às invasões, destacando o aumento significativo de casos e a falta de posicionamento oficial. Ele ainda comentou sobre o ambiente de conciliação promovido pelo governo, que contrasta com o apoio implícito às ações do MST, como evidenciado por aplausos em eventos oficiais. "Não adianta nada fazer jantar com as entidades, churrasquinho com os segmentos, fazer discurso de que está tentando aproximação e que defende o agronegócio, se quando tem situações como essa – em 3 dias, 25 áreas invadidas – não tem uma palavra do governo sobre isso," criticou.

Sobre a questão do Marco Temporal das terras indígenas, Lupion expressou frustração com as tentativas governamentais de alteração, ressaltando um alinhamento do governo com o STF para desafiar decisões congressuais.

Finalmente, o deputado manifestou desânimo com a recente interação do governo com o agronegócio, apontando a falta de coerência nas políticas voltadas para pequenos e médios agricultores, especialmente no que diz respeito ao Programa de Garantia da Atividade Agropecuária (Proagro). Ele ressaltou a necessidade de recursos para o Programa de Subvenção ao Prêmio do Seguro Rural (PSR), criticando o veto do governo à Lei de Diretrizes Orçamentárias que impedia o contingenciamento desses recursos. 


 


   Leia também:
 
[24/05/2024] - Projeto anti-MST é inconstitucional, diz governo
[24/05/2024] - Minerva vai recorrer para fechar compra do Marfrig
[24/05/2024] - Frigoríficos seguram as compras em São Paulo
[24/05/2024] - Financiamentos ao RS terão regras flexíveis
[24/05/2024] - Consumidor crê que a economia piorou

Regras para a publicação de comentários


   Notícias Anteriores
 
[23/05/2024] - China vai habilitar mais frigoríficos, diz Fávaro
[23/05/2024] - Pecuarista está sob pressão
[23/05/2024] - Frigoríficos dizem que não falta boi no mercado
[23/05/2024] - Fiscais agropecuários encerram operação padrão
[23/05/2024] - Vacinação contra brucelose é prorrogada em SP
[23/05/2024] - O que os produtores do RS esperam do MAPA?
[22/05/2024] - Câmara aprova Lei Anti-MST
[22/05/2024] - Uruguai confirma trava ao negócio Marfrig-Minerva
[22/05/2024] - JBS é multada por pagar propina a auditor
[22/05/2024] - Arroba do boi cai com chegada do outono
[22/05/2024] - Vendas de máquinas agrícolas caíram com força
[22/05/2024] - Câmara dá anistia a dívidas de produtores do RS
[21/05/2024] - Exportações de carne seguem firmes em maio
[21/05/2024] - Boi sobe em MT e diminui diferença com SP
[21/05/2024] - Oferta de boi sobe em SP, mas não derruba preços
[21/05/2024] - Leite: preços subiram, exportações despencaram
[21/05/2024] - Pecuaristas e agricultores doam casas no RS
[20/05/2024] - Exportações: terceiro melhor mês da história
[20/05/2024] - Minerva e Marfrig ignoram problemas no Uruguai
[20/05/2024] - Como está a cotação do boi gordo?
[20/05/2024] - Laticínios gaúchos ensaiam retorno à normalidade
[20/05/2024] - Milho: qual o efeito das chuvas no RS?
[17/05/2024] - Uruguai barra compra da Marfrig pela Minerva
[17/05/2024] - Exportações do Agro crescem quase 4%
[17/05/2024] - Agronegócio gaúcho já perdeu R$ 2 bilhões
[17/05/2024] - Pressão no mercado do boi gordo
[17/05/2024] - Carne de laboratório é proibida no Alabama
[17/05/2024] - Milho: exportações de MT estão ruins
[17/05/2024] - Moraes adia decisão sobre a Ferrogrão
[16/05/2024] - JBS vai assumir porto de Itajaí
[16/05/2024] - Frigoríficos pressionam por preço menor para o boi
[16/05/2024] - Arroba: pecuarista tenta segurar as vendas
[16/05/2024] - Frigoríficos confiam que pecuarista vai vender
[16/05/2024] - Queda do milho pode favorecer confinamento
[16/05/2024] - MAPA libera venda de produtos do RS em todo Brasil
[16/05/2024] - Marfrig sai do prejuízo no primeiro trimestre
[15/05/2024] - Lei Anti Invasão será votada, promete Lira
[15/05/2024] - JBS registra lucro bilionário no trimestre
[15/05/2024] - Mercado do boi vive momento de cautela
[15/05/2024] - Preço do boi volta a cair em São Paulo
[15/05/2024] - Deputados do Agro analisam medidas para o RS
[14/05/2024] - Desespero e depressão atingem produtores gaúchos
[14/05/2024] - Produtores se unem em solidariedade aos gaúchos
[14/05/2024] - A situação do produtor de leite nas regiões do RS
[14/05/2024] - Como está a pecuária de corte no RS?
[14/05/2024] - Exportações de carne: demanda continua forte
[14/05/2024] - Preço do boi recua em algumas regiões
[14/05/2024] - O dia das mães mudou o preço do boi?
[13/05/2024] - Prejuízos do Agro no RS já passam de R$ 1 bilhão
[13/05/2024] - Batistas escapam de processo pela compra do Bertin

     Clique aqui para ver o índice geral de noticias


 

 

 

Adicione seu site Comprar e vender Atendimento ao anunciante Mais buscados

Venda para a pecuária brasileira através da Internet!
Clique aqui e veja como anunciar no Pecuária.com.br