Cotações Mapas Notícias em seu e-mail
Precisa vender? Mais de 6.000 visitantes diariamente esperam pelo seu produto aqui no Pecuaria.com.br. Clique aqui e veja como e facil anunciar!
Arroba do Boi - R$ (À vista)
SP MS MG
313,00 301,00 313,00
GO MT RJ
304,00 298,00 297,00
Reposição - SP - R$
Bezerro 12m 2590,00
Garrote 18m 2900,00
Boi Magro 30m 3420,00
Bezerra 12m 2240,00
Novilha 18m 2680,00
Vaca Boiadeira 2840,00

Atualizado em: 2/12/2021 11:14

Cotações da Arroba: SP-Noroeste, MS-Três Lagoas, MG - Triângulo, GO - Região Sul, MT - Rondonópolis, RJ-Campos
Clique aqui e veja cotações anteriores

 

 

 

 


 
Receba, diariamente, em seu
e-mail nosso boletim com os assuntos que mais interessam
ao profissional do setor.

Clique aqui e inscreva-se gratuitamente.


Adriano Garcia
MTb 10252-MG

 

Fundador da Marfrig será julgado pela CVM

 
 
 
Publicado em 07/10/2021

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) rejeitou uma proposta de acordo do presidente do conselho de administração da Marfrig, Marcos Molina, em processo em que o empresário é acusado pelo regulador por suposto uso de informação privilegiada.

A acusação entendeu que o fundador da Marfrig utilizou informações ainda não divulgadas para comprar ações do frigorífico antes de a empresa anunciar a aquisição do controle da National Beef, em 2018. As compras ocorreram em nome de Molina e de sua esposa.

Segundo a área técnica da CVM, o benefício total na aquisição de ações em período vedado teria sido de R$ 6,734 milhões, em 23 operações. O dia 9 de novembro de 2017 foi considerado como início do período de vedação, uma vez que foi a data em que foi formalizada a intenção para aquisição do controle da empresa, ainda que precedente ao termos finais da transação. Foi comparado o preço médio de cada operação, que variou de R$ 5,99 a R$ 7,15, com o preço médio observado em 10 de abril de 2018, de R$ 8,55. No dia seguinte a essa data, a aquisição foi divulgada ao mercado. As vendas realizadas foram desconsideradas.

Molina fez uma proposta de termo de compromisso à CVM para encerrar o caso, e ofereceu pagar R$ 5 milhões, com argumento de que "representa compromisso oportuno e conveniente, tendo em vista que não se configuram supostas irregularidades e não houve prejuízo informacional ao mercado".

Após analisar o caso, o comitê de termo de compromisso entendeu que o acordo "não seria conveniente e oportuno, considerando, entre outros fatores, a gravidade em tese da conduta", de acordo com informações divulgadas pela CVM. O colegiado acompanhou o parecer do comitê.

Quando o caso foi aberto pela CVM, as análises iniciais foram feitas pela Superintendência de Relações com o Mercado e Intermediários (SMI), que entendeu que era necessário um aprofundamento. O caso passou, então, a ser conduzido pela Superintendência de Processos Sancionadores (SPS). Foi aberto um inquérito para apurar as informações. Em maio, Molina disse ao Valor que não houve operação irregular. Na ocasião o executivo informou, em nota, que cumpriu seus deveres fiduciários para com a Marfrig ao não realizar operações com ações da empresa entre 6 de março de 2018 e 9 de abril de 2018, quando o fato relevante a respeito da operação foi publicado. Segundo ele, não havia, no período apontado pela investigação da CVM, um diálogo constante entre a Marfrig e a Leucadia que levasse à evolução das negociações entre as duas companhias.

Quando a autarquia aceita uma proposta de termo de compromisso, não há assunção de culpa e o processo é encerrado. Com a rejeição, o caso deve ir a julgamento, mas ainda não há previsão.

Procurada novamente, a Marfrig ainda não se manifestou. Com informações do Valor.
 

  Compartilhe Compartilhe esta matéria    Imprimir

 


   Leia também:
 
[02/12/2021] - Arroba: frigoríficos entram com força na compra
[02/12/2021] - CEPEA: boi volta a bater nas máximas
[02/12/2021] - Rússia habilita mais duas unidades para exportação
[02/12/2021] - Vizinhos da Rússia também querem importar carne
[02/12/2021] - Por que o PIB do Agro caiu?
[02/12/2021] - Inflação medida pelo IPC também perdeu força
[01/12/2021] - Arroba: boi segue em alta

Regras para a publicação de comentários


   Notícias Anteriores
 
[01/12/2021] - Arroba: frigoríficos já estão pagando mais em SP
[01/12/2021] - EUA devem aumentar importação de carne do Brasil
[01/12/2021] - Exportações: volume caiu, mas preço da carne subiu
[01/12/2021] - Deputados debatem aumento de custo na pecuária
[01/12/2021] - MAPA prorroga vacinação em 14 estados
[01/12/2021] - Câmara aprova indenização a pecuaristas
[30/11/2021] - Arroba: frigoríficos pagam acima da referência
[30/11/2021] - Scot vê oferta curta de boi
[30/11/2021] - Boi gordo em alta em Goiás
[30/11/2021] - Abates aumentaram 18% em Mato Grosso
[30/11/2021] - Frigoríficos prevêem disparada do boi
[30/11/2021] - Leite: preço do leite caiu com força
[30/11/2021] - Senado aprova preço mínimo para perecíveis
[30/11/2021] - Tereza: produtor precisa ser pago por preservação
[29/11/2021] - Arroba: mercado agora espera sinal do consumo
[29/11/2021] - Embargo chinês é jogada comercial, diz produtor
[29/11/2021] - Ministro chama ameaça da UE de protecionismo
[29/11/2021] - Milho: preços reagem após 2 meses de queda
[29/11/2021] - Vacinação contra aftosa é prorrogada em SP
[29/11/2021] - Leite: indústrias reclamam de queda nas vendas
[29/11/2021] - IGP-M perde força e fica abaixo das previsões
[26/11/2021] - Arroba: boi em alta, carne também subiu
[26/11/2021] - Arroba: preços também subiram em SP
[26/11/2021] - Margem do pecuarista deve subir se China voltar
[26/11/2021] - Confinamento cresceu em 2021 e deve crescer mais
[26/11/2021] - EUA: Brasil lidera produtividade agropecuária
[26/11/2021] - Economia: atividade cresceu 2% em outubro
[26/11/2021] - Senado aprova projeto que pode reduzir frete
[25/11/2021] - Arroba: mercado em alta
[25/11/2021] - CEPEA vê arroba do boi a R$ 310
[25/11/2021] - Milho cai em Mato Grosso do Sul
[25/11/2021] - Produtores de suínos comemoram abertura russa
[25/11/2021] - Arbitragens mostram a briga por trás da JBS
[24/11/2021] - Rússia libera exportações de 12 frigoríficos
[24/11/2021] - Arroba: o que fazer agora?
[24/11/2021] - Arroba: reabertura chinesa já mexe com o preço
[24/11/2021] - Tereza: embargo chinês pode cair em dezembro
[24/11/2021] - Lácteos: preços em queda no Paraná
[24/11/2021] - MAPA bota em marcha a diplomacia dos insumos
[24/11/2021] - Vacina será comunicada online em Mato Grosso
[24/11/2021] - Governo americano vai subsidiar frigoríficos
[24/11/2021] - Molina paga R$ 20 milhões para encerrar processo
[23/11/2021] - China dá primeiro sinal de fim do embargo
[23/11/2021] - Brasil é o único país que pode atender cota russa
[23/11/2021] - Frigoríficos recebem mais pela carne exportada
[23/11/2021] - Arroba: frigoríficos não acham boi pra comprar
[23/11/2021] - Boi subiu quase 10% em Goiás
[23/11/2021] - Aprosoja: UE pratica protecionismo disfarçado
[22/11/2021] - Arroba: em SP a referência já bate os R$ 310
[22/11/2021] - Arroba: boi também subiu na Bahia e no Rio

     Clique aqui para ver o índice geral de noticias


 

 

 

Adicione seu site Comprar e vender Atendimento ao anunciante Mais buscados

Venda para a pecuária brasileira através da Internet!
Clique aqui e veja como anunciar no Pecuária.com.br