Cotações Mapas Notícias em seu e-mail
Precisa vender? Mais de 6.000 visitantes diariamente esperam pelo seu produto aqui no Pecuaria.com.br. Clique aqui e veja como e facil anunciar!
Arroba do Boi - R$ (À vista)
SP MS MG
311,00 301,00 301,00
GO MT RJ
299,00 302,00 292,00
Reposição - SP - R$
Bezerro 12m 2850,00
Garrote 18m 3190,00
Boi Magro 30m 3920,00
Bezerra 12m 2380,00
Novilha 18m 2800,00
Vaca Boiadeira 3030,00

Atualizado em: 18/6/2021 10:09

Cotações da Arroba: SP-Noroeste, MS-Três Lagoas, MG - Triângulo, GO - Região Sul, MT - Rondonópolis, RJ-Campos
Clique aqui e veja cotações anteriores

 

 

 

 


 
Receba, diariamente, em seu
e-mail nosso boletim com os assuntos que mais interessam
ao profissional do setor.

Clique aqui e inscreva-se gratuitamente.


Adriano Garcia
MTb 10252-MG

 

Milho: preços dispararam hoje na Bolsa

 
 
 
Publicado em 21/10/2020

A quarta-feira (21) começa com os preços futuros do milho estendendo os ganhos na Bolsa Brasileira (B3). As principais cotações registravam movimentações positivas entre 2,24% e 3,83% por volta das 09h14 (horário de Brasília).

O vencimento novembro/20 era cotado à R$ 81,69 com alta de 2,24%, o janeiro/21 valia R$ 82,05 com elevação de 2,43%, o março/21 era negociado por R$ 81,84 com ganho de 3,59% e o maio/21 tinha valor de R$ 77,34 com valorização de 3,83%.

O analista de mercado da Brandalizze Consulting, Vlamir Brandalizze, já acreditava que as cotações do cereal na Bolsa Brasileira deveriam bater a marca dos R$ 80,00 ainda nos próximos dias com a oferta de milho bastante escassa no Brasil.

“A comercialização avançou bem e, mesmo as exportações não tendo avançando no ritmo que se esperava, as ofertas estão escassas e os poucos que tem milho não querem vender, está todo mundo segurando”, comenta o analista.

Brandalizze acrescenta que a pandemia fez disparar o consumo de muitos alimentos e o setor de rações está trabalhando em carga máxima. Como o milho é um dos principais ingredientes da ração, isso deixa a procura pelo cereal muito forte.

“As indústrias neste mês de outubro estão correndo atrás de milho justamente para ter matéria prima para trabalhar esse restante de ano e algumas querendo grãos já para atender o mês de janeiro que estará escasso de oferta”, diz.

Mercado Externo

Os preços internacionais também começam mais um dia de altas na Bolsa de Chicago (CBOT). As principais cotações registravam movimentações positivas entre 2,00 e 3,75 pontos por volta das 09h02 (horário de Brasília).

O vencimento dezembro/20 era cotado à US$ 4,12 com valorização de 3,75 pontos, o março/21 valia US$ 4,16 com elevação de 2,75 pontos, o maio/21 era negociado por US$ 4,17 com ganho de 2,25 pontos e o julho/21 tinha valor de US$ 4,17 com alta de 2,00 pontos.

Segundo informações do site internacional Farm Futures, os grãos foram novamente mais elevados no comércio noturno puxados pela demanda contínua por produtos agrícolas dos Estados Unidos.

Os exportadores venderam 132.000 toneladas de grãos dos EUA para um país não identificado, disse o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) em um relatório ontem.

“O anúncio de terça-feira marca o sétimo dia útil consecutivo em que o USDA anunciou vendas de produtos agrícolas dos EUA para compradores estrangeiros”, destaca o analista Tony Dreibus.

Na segunda-feira, o governo já havia anunciado a venda de 345.000 toneladas de milho para destino desconhecido e 123.000 toneladas de milho para o México para entrega na campanha que começou em 1º de setembro.

Desde o início de setembro, os países importadores se comprometeram a comprar 26,5 milhões de toneladas de milho dos EUA, um aumento de 156% em relação ao mesmo período de 2019, disse o governo. Com informações do Notícias Agrícolas.

  Compartilhe Compartilhe esta matéria    Imprimir

 


   Leia também:
 
[17/06/2021] - Pecuaristas dos EUA não querem depender da JBS
[17/06/2021] - China está comprando menos carne do Brasil
[17/06/2021] - Arroba: mercado preocupado com vendas à China
[17/06/2021] - Arroba: boi já vale mais em Goiás
[17/06/2021] - Queda do dólar pode derrubar a arroba do boi
[17/06/2021] - Custo de produção do leite continua a subir
[17/06/2021] - Combater desperdício de alimentos é prioridade

Regras para a publicação de comentários


   Notícias Anteriores
 
[17/06/2021] - Guedes: governo precisa reduzir encargos
[17/06/2021] - Herdeiros da BRF aprovam sociedade com Marfrig
[17/06/2021] - Construção de ferrovia depende de consulta a índio
[17/06/2021] - Câmara adia projeto que altera demarcações
[16/06/2021] - Agro brasileiro bateu recorde de exportações
[16/06/2021] - Arroba: frigoríficos pagam mais que a referência
[16/06/2021] - Arroba: boi volta a subir em várias praças
[16/06/2021] - Confinador precisará fazer muita conta em 2021
[16/06/2021] - Sauditas facilitam importação de carne brasileira
[16/06/2021] - China: queda de preços pode ameaçar recuperação
[16/06/2021] - O que acontece se a Marfrig comprar a BRF?
[16/06/2021] - Preços dos lácteos estão mais altos
[16/06/2021] - Milho: preços caem abaixo de R$ 90 a saca
[16/06/2021] - Milho: preços dispararam em Mato Grosso do Sul
[16/06/2021] - Geração de emprego em fazendas surpreende em 2021
[16/06/2021] - Inflação ao produtor perde força em maio
[16/06/2021] - Força Nacional chega a RO para enfrentar guerrilha
[16/06/2021] - Argentina: governo pode reduzir exportação em 50%
[15/06/2021] - Como estão as exportações de carne em junho?
[15/06/2021] - Exportações de carne de MT caem pelo segundo mês
[15/06/2021] - PIB da Pecuária deve crescer quase 4% em 2021
[15/06/2021] - Arroba do boi China já vale R$ 5 a mais
[15/06/2021] - Arroba: fora de SP boi já está valendo mais
[15/06/2021] - MAPA deve aprovar milho transgênico dos EUA
[15/06/2021] - Agro pode ter imagem manchada pelo tráfico
[14/06/2021] - Decisões do STF podem estimular invasões de terra
[14/06/2021] - Arroba: frigoríficos pagam mais no Centro-Oeste
[14/06/2021] - Arroba: sexta foi dia de poucos negócios
[14/06/2021] - JBS pode fatiar Sadia e Perdigão
[14/06/2021] - EUA intervirão na relação frigorífico-pecuarista
[14/06/2021] - Milho: colheita próxima derruba preços
[14/06/2021] - Prévia do PIB brasileiro mostra crescimento
[11/06/2021] - JBS pode comprar o controle da BRF?
[11/06/2021] - Compra de BRF pode ser travada pelo CADE
[11/06/2021] - PIB do Agro cresce 5% em cima de valor recorde
[11/06/2021] - Arroba: preços devem subir ainda mais
[11/06/2021] - Arroba: frigoríficos pagam mais para garantir bois
[11/06/2021] - Captação de leite bate recorde histórico
[11/06/2021] - Indicador mostra recuperação do emprego
[11/06/2021] - Bolsonaro sanciona lei que recompõe o Plano Safra
[10/06/2021] - JBS pagou resgate milionário para hackers
[10/06/2021] - China pode abrir mercado enorme para o Brasil
[10/06/2021] - Arroba: escalas começaram a encurtar
[10/06/2021] - Frigoríficos aumentam oferta por vacas e novilhas
[10/06/2021] - Pecuarista retém fêmeas com reposição em alta
[10/06/2021] - MAPA promove evento sobre seguro rural pecuário
[09/06/2021] - Dependência de poucos mercados traz risco enorme
[09/06/2021] - Brasil: China comprou quase 58% da carne exportada
[09/06/2021] - China vai usar mais carne de suas reservas
[09/06/2021] - Alta da arroba do boi vai continuar?

     Clique aqui para ver o índice geral de noticias


 

 

 

Adicione seu site Comprar e vender Atendimento ao anunciante Mais buscados

Venda para a pecuária brasileira através da Internet!
Clique aqui e veja como anunciar no Pecuária.com.br