Cotações Mapas Notícias em seu e-mail
Precisa vender? Mais de 6.000 visitantes diariamente esperam pelo seu produto aqui no Pecuaria.com.br. Clique aqui e veja como e facil anunciar!
Arroba do Boi - R$ (À vista)
SP MS MG
281,00 265,00 279,00
GO MT RJ
269,00 270,00 264,00
Reposição - SP - R$
Bezerro 12m 2250,00
Garrote 18m 2690,00
Boi Magro 30m 3430,00
Bezerra 12m 2010,00
Novilha 18m 2430,00
Vaca Boiadeira 2660,00

Atualizado em: 15/1/2021 10:31

Cotações da Arroba: SP-Noroeste, MS-Três Lagoas, MG - Triângulo, GO - Região Sul, MT - Rondonópolis, RJ-Campos
Clique aqui e veja cotações anteriores

 

 

 

 


 
Receba, diariamente, em seu
e-mail nosso boletim com os assuntos que mais interessam
ao profissional do setor.

Clique aqui e inscreva-se gratuitamente.


Adriano Garcia
MTb 10252-MG

 

Qual será o real impacto do embargo chinês aqui?

 
 
 
Publicado em 03/07/2020

A suspensão da habilitação chinesa de exportação de três frigoríficos brasileiros, na última semana, deve afetar os embarques de proteína animal no curto prazo, destacou na quinta-feira (2/7) o analista do Rabobank para o setor no Brasil, Wagner Yanaguizawa.

“O ponto positivo é que esse não é um problema exclusivo do Brasil. Outras regiões importantes estão sendo impactadas, mas, basicamente, já era algo esperado porque eles estão com suspeita de uma segunda onda de contaminações e isso está preocupando o mercado chinês”, apontou o analista durante evento online do banco.

Segundo Yanaguizawa, cerca de 20 frigoríficos foram suspensos pelo país em todo o mundo nas últimas duas semanas. A lista inclui países como Alemanha, EUA, Canadá e Argentina. Sobre o Brasil, ele projeta um impacto menor em virtude do bom desempenho das exportações e da alta competitividade da carne após a desvalorização do real ante o dólar.

“No Brasil a gente espera, sem dúvidas, uma possível redução das exportações neste curto prazo, principalmente do lado da demanda, devido à insegurança sanitária das carnes. Mas acreditamos que o Brasil deve ser um dos menos impactados”, disse o analista.

Recuperação do rebanho

No longo prazo, o analista do Rabobank ressaltou a recuperação do rebanho chinês após a perda de quase metade do plantel de suínos. “A expectativa é de que a recomposição do setor na China seja mais forte. A gente vê algumas medidas do governo chinês dando subsídio, principalmente, para a compra de matrizes. Então, esperamos um aumento um pouco maior do rebanho no 2º semestre, na casa do 5 milhões de cabeças”, apontou.

Embora represente menos de 3% de todo rebanho perdido entre 2018 e 2019, o aumento do ritmo de recuperação do setor no país deve reduzir gradualmente a demanda chinesa por carne suína no longo prazo. Para 2020, a previsão do Rabobank é de uma queda de 6 milhões a 8 milhões de toneladas na produção de carne suína da China.

“O grande ponto é que os patamares de recuperação deste rebanho serão abaixo do observado antes da crise porque estamos vendo uma mudança muito forte no padrão de consumo da China, com migração para outras proteínas, como carne de frango e bovina”, destacou Yanaguizawa. Com informações do Globo Rural.

  Compartilhe Compartilhe esta matéria    Imprimir

 


   Leia também:
 
[15/01/2021] - Arroba: frigoríficos seguem oferecendo mais
[15/01/2021] - Greve dos caminhoneiros: se ocorrer será pontual
[15/01/2021] - IGP-10 recua com queda de preços ao consumidor
[15/01/2021] - Doria cumpre parcialmente acordo com produtores
[15/01/2021] - Marfrig emite dívida ao menor juro de sua história

Regras para a publicação de comentários


   Notícias Anteriores
 
[14/01/2021] - Arroba: frigoríficos voltaram a pagar R$ 290
[14/01/2021] - CEPEA: boi já recuperou queda de dezembro
[14/01/2021] - China importou quase 10 milhões de t de carne
[14/01/2021] - Leite subiu mas não melhorou situação do produtor
[14/01/2021] - Caminhoneiros ameaçam Bolsonaro
[14/01/2021] - Doria ainda não mandou publicar redução do ICMS
[14/01/2021] - Secretário promete que redução de ICMS vai sair
[14/01/2021] - Pagamento por serviços ambientais vira lei
[13/01/2021] - BNDES desiste de vender ações da JBS
[13/01/2021] - Safras: alta do boi é muito agressiva
[13/01/2021] - Arroba: frigoríficos pagam até R$ 11 a mais
[13/01/2021] - Analista prevê boi firme até março
[13/01/2021] - Milho: EUA esperam safra menor no Brasil
[12/01/2021] - Exportações de carne começaram o ano em forte alta
[12/01/2021] - Agro: exportações dispararam em janeiro
[12/01/2021] - Exportações do Agro passaram de US$ 100 bi
[12/01/2021] - Arroba: frigoríficos estão precisando de boi
[12/01/2021] - Arroba: boi dispara também em Goiás
[12/01/2021] - Pecuaristas de MT estão otimistas
[12/01/2021] - Carne continua em falta na China
[12/01/2021] - Empresa da JBS paga multa para encerrar processo
[12/01/2021] - Bolsonaro cobra apoio da bancada do Agro
[12/01/2021] - Minério de ferro pressiona e IGP-M segue em alta
[11/01/2021] - Analista prevê ano favorável para a pecuária
[11/01/2021] - Arroba: preço do boi tem forte alta
[11/01/2021] - Milho: preços em disparada
[11/01/2021] - Argentina suspende veto às exportações de milho
[11/01/2021] - Dólar começa a semana em disparada
[08/01/2021] - Governo de SP promete recuar após tratoraço
[08/01/2021] - Produtores rurais protestam na Ceagesp
[08/01/2021] - Caminhoneiros voltam a ameaçar paralisação
[08/01/2021] - Arroba: alta do boi se espalha pelo Brasil
[08/01/2021] - Reposição começou 2021 devagar
[08/01/2021] - Carne: exportações bateram 2 mi de toneladas
[08/01/2021] - Ladrões fazem reféns para roubar gado em MT
[08/01/2021] - Setor de máquinas agrícolas está otimista
[07/01/2021] - Produtores protestam contra imposto maior em SP
[07/01/2021] - Arroba: frigoríficos já pagam R$ 280
[07/01/2021] - CEPEA: pecuária começa 2021 com boa perspectiva
[07/01/2021] - Agrifatto prevê arroba menor no fim de janeiro
[07/01/2021] - Exportações do Agro devem bater recorde em 2021
[06/01/2021] - Arroba: frigoríficos oferecem mais pelo boi
[06/01/2021] - Atacado da carne em compasso de espera
[06/01/2021] - Itaú prevê ano complicado para os frigoríficos
[06/01/2021] - Leite: produtor deve receber menos em janeiro
[06/01/2021] - Leite: preço dos lácteos não cederam
[06/01/2021] - Milho está mais caro em 2021
[06/01/2021] - Doria não recua e impostos subirão em SP
[06/01/2021] - ABAG protesta contra alta de impostos em SP
[06/01/2021] - Empregos no Agro registram novo crescimento

     Clique aqui para ver o índice geral de noticias


 

 

 

Adicione seu site Comprar e vender Atendimento ao anunciante Mais buscados

Venda para a pecuária brasileira através da Internet!
Clique aqui e veja como anunciar no Pecuária.com.br