Cotações Mapas Notícias em seu e-mail
Precisa vender? Mais de 6.000 visitantes diariamente esperam pelo seu produto aqui no Pecuaria.com.br. Clique aqui e veja como e facil anunciar!
 
 
 
 


 
Receba, diariamente, em seu
e-mail nosso boletim com os assuntos que mais interessam
ao profissional do setor.

Clique aqui e inscreva-se gratuitamente.


Adriano Garcia
MTb 10252-MG

 

Bois serão abatidos por uso de cama de frango
 
 
Publicado em 25/06/2010

Na próxima terça-feira (29) o Serviço de Inspeção Federal do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) irá acompanhar o abate sanitário de um lote de bovinos apreendido no município de Terenos/MS. Os bois eram alimentados com cama de frango, prática proibida pela legislação brasileira.  O objetivo do abate sanitário é evitar a todo custo situações que possam oferecer riscos para a saúde animal. A medida visa prevenir a ocorrência da Encefalopatia Espongiforme Bovina (EEB), conhecida como a doença da “vaca louca”.

Os fiscais agropecuários da Agência Estadual de Defesa Agropecuária Animal e Vegetal (IAGRO) e do Serviço de Saúde Animal da Superintendência Federal de Agricultura (SSA/SFA/MS) chegaram à propriedade suspeita após uma denúncia. Durante a fiscalização conjunta, observaram que o produtor, que também á avicultor, estava utilizando cama de aviário na alimentação dos animais.

A ração foi coletada pelos fiscais e encaminhada para o Laboratório Oficial do MAPA (LANAGRO) em Pedro Leopoldo/MG. O resultado das análises comprovou a utilização do ingrediente (cama de frango), de uso proibido pela Instrução Normativa Mapa nº 41 de 08.10.2009. A legislação prevê ainda multas pesadas para o produtor que utilizar ingredientes de origem animal na alimentação de ruminantes, além da interdição da propriedade.

O abate dos animais apreendidos será realizado em um frigorífico sob Inspeção Federal, onde serão removidos e destruídos todos os materiais (órgãos) que representam riscos de transmissão da Encefalopatia Espongiforme Bovina.

Segundo o Fiscal Federal Agropecuário, Antonio Belarmino Machado Jr. do Serviço de Saúde Animal da SFA/MS, produtos de origem vegetal, além de leite e derivados não representam risco para a doença da “vaca louca”, sendo permitidos na alimentação de ruminantes. “O que a legislação do MAPA proíbe é o uso de proteínas de origem animal, inclusive a cama de aviário e os resíduos da exploração de suínos”, concluiu Antonio. Com informações da Superintendência Federal de Agricultura do MS.

  Compartilhe Compartilhe esta matéria    Imprimir


   Leia também:
 
[28/11/2014] - BNDES vai ao STF para não divulgar apoio ao JBS
[28/11/2014] - Frigoríficos divididos sobre Kátia no MAPA
[28/11/2014] - Oferta melhora, mas o boi permanece firme
[28/11/2014] - Qual o preço justo para a reposição?
[28/11/2014] - Irmãos de Geller são acusados de fraude de R$ 1 bi
[28/11/2014] - Relator mudará artigo polêmico sobre inspeção
[28/11/2014] - Índios cercam fazenda e PM diz que não é com ela

Regras para a publicação de comentários


   Notícias Anteriores
 
[27/11/2014] - Produtores terão que emplacar trator em janeiro
[27/11/2014] - Justiça mantém bloqueio de ações do Bertin
[27/11/2014] - Escalas aumentam, mas arroba continua firme
[27/11/2014] - CEPEA: falta de boi dita o valor da arroba
[27/11/2014] - Irmãos do atual ministro podem ser presos pela PF
[27/11/2014] - Dilma adia nomeação de Kátia Abreu
[27/11/2014] - Governo muda regras de rotulagem de rações
[27/11/2014] - Produtores não confirmam vacinação no MT
[26/11/2014] - Estudo da FIESP prevê o mercado do agro em 2015
[26/11/2014] - Boi: mercado firme, frigoríficos tentam pressão
[26/11/2014] - Exportações de couros batem recorde
[26/11/2014] - JBS foi o maior doador para campanha de Dilma
[26/11/2014] - Farelo de soja sobe 3% em um só dia
[26/11/2014] - MAPA: desprestigiado e sem orçamento
[26/11/2014] - Kátia Abreu é ou não é um bom nome?
[25/11/2014] - Antes de ser nomeada, Kátia Abreu vira alvo
[25/11/2014] - Abrafrigo critica MP que federaliza inspeção
[25/11/2014] - Frigoríficos pagam acima da referência pelo boi
[25/11/2014] - Produtor usa silo-bolsa para negociar preço melhor
[25/11/2014] - Esperando safrinha menor, produtor segura o milho
[25/11/2014] - Venda de ações da JBS Foods é suspensa pela CVM
[25/11/2014] - Unidade da Leite Nilza é leiloada em SP
[25/11/2014] - Mercado de reposição travado no Pará
[24/11/2014] - Justiça penhora participação do Bertin na JBS
[24/11/2014] - Kátia Abreu deve ser nomeada para o MAPA
[24/11/2014] - PT e PMDB não querem Kátia Abreu no MAPA
[24/11/2014] - Frigoríficos tentam segurar nova alta do boi
[24/11/2014] - Reposição: semana de mercado firme
[24/11/2014] - JBS quer atender China a partir da Austrália
[24/11/2014] - Pecuária cresce forte e puxa PIB do agro
[24/11/2014] - Brasil precisa recuperar milhões de ha de pastos
[21/11/2014] - JBS faz novas aquisições no Brasil e na Austrália
[21/11/2014] - Minerva quer crescer na América do Sul
[21/11/2014] - O preço da carne caiu. E o boi?
[21/11/2014] - CEPEA: preço da arroba sobe com oferta curta
[21/11/2014] - Qual a tendência para o preço das carnes?
[21/11/2014] - Produtores investem de olho na alta da arroba
[21/11/2014] - Proibida, cama de frango ainda gera autuações
[21/11/2014] - Milho tem forte alta
[20/11/2014] - Projeto aprovado quer proibir confinamento em SP
[20/11/2014] - Deputados dizem que MP da inspeção favorece JBS
[20/11/2014] - Oferta melhora um pouco e segura alta da arroba
[20/11/2014] - Alta da arroba do boi puxa preço do búfalo
[20/11/2014] - Exportações do agro caem, mas carne segue firme
[20/11/2014] - Campanha de vacinação contra aftosa acaba dia 30
[19/11/2014] - Acordo China-Austrália não deve afetar o Brasil
[19/11/2014] - Consumo trava alta da arroba do boi
[19/11/2014] - Confinamento caiu 11% em 2014 no Mato Grosso
[19/11/2014] - Embrapa desenvolve robô para analisar solo
[18/11/2014] - Rússia: de solução a preocupação

     Clique aqui para ver o índice geral de noticias


 

 

 

Adicione seu site Comprar e vender Atendimento ao anunciante Mais buscados

Venda para a pecuária brasileira através da Internet!
Clique aqui e veja como anunciar no Pecuária.com.br