Cotações Mapas Notícias em seu e-mail
Precisa vender? Mais de 6.000 visitantes diariamente esperam pelo seu produto aqui no Pecuaria.com.br. Clique aqui e veja como e facil anunciar!
 
 
 
 


 
Receba, diariamente, em seu
e-mail nosso boletim com os assuntos que mais interessam
ao profissional do setor.

Clique aqui e inscreva-se gratuitamente.


Adriano Garcia
MTb 10252-MG

 

ITR: Cuidados no preenchimento da declaração
 
 
Publicado em 19/08/2009

O prazo para a entrega da declaração do ITR (Imposto sobre a Propriedade Territorial Rural), referente ao exercício de 2009, termina no dia 30 de setembro. Todos os proprietários ou possuidores de imóveis rurais (pessoas físicas ou jurídicas), inclusive usufrutuários, estão obrigados a entregar a declaração. O procedimento para a declaração deste ano está detalhado na Instrução Normativa nº 959, da Receita Federal. O contribuinte deverá entregar o Documento de Informação e Atualização Cadastral (Diac), que é o histórico da atividade do imóvel. São dados basicamente da movimentação econômica do imóvel, incluindo a produção. Deverá entregar também o Documento de Informação e Apuração do ITR, para fins de cálculo do imposto a pagar. Os imóveis imunes ou isentos estão dispensados da entrega do documento.

A lei que trata do ITR (9.393/96) dispõe de vários mecanismos de exclusão de áreas isentas de tributação. Entre elas estão as de reserva legal, as APPs (áreas de preservação permanente) e outras. É com a exclusão dessas áreas que se chega às áreas aproveitável e tributável.

Só que o contribuinte tem que tomar cuidado ao declarar essas áreas. Se elas não estiverem averbadas à margem da matrícula do imóvel, no registro imobiliário, não poderão ser declaradas. Caso sejam, o desconto de 20% que o contribuinte teria do imposto a pagar poderá custar-lhe uma multa de até 150% desse mesmo imposto. A multa neste caso será de 1% ao mês a contar do não pagamento, mais multa de mora de 20% e juros da taxa Selic. Na falta de recolhimento do tributo ou se forem constatadas informações fraudulentas, a Receita lançará de ofício o imposto e aplicará multa variável de 75% a 150%, conforme lei federal.

Segundo os advogados da área, o contribuinte deverá se precaver quanto à assinatura do ADA (Ato Declaratório Ambiental). Por esse documento, ele declara a situação ambiental de seu imóvel, que poderá ser vistoriado pelos órgãos ambientais em 6 meses. Se elas não forem verdadeiras, ele incorrerá nessas multas e ainda poderá ser processado.  Com informações do portal Estadão.

  Compartilhe Compartilhe esta matéria    Imprimir


   Leia também:
 
[19/12/2014] - Pecuarista resiste às tentativas de baixar o boi
[19/12/2014] - Governo prevê alta nas exportações de carne
[19/12/2014] - Carne puxa alta recorde da inflação
[19/12/2014] - Pecuarista recusa alta de preço na reposição
[19/12/2014] - Contran adia emplacamento de máquinas por 2 anos
[19/12/2014] - Um bom negócio que mostra o campo à cidade
[18/12/2014] - Festas de fim de ano tiram frigoríficos do mercado

Regras para a publicação de comentários


   Notícias Anteriores
 
[18/12/2014] - Exportações sobem em relação a novembro
[18/12/2014] - CEPEA: frigoríficos reduzem compra de boi
[18/12/2014] - Polícia prende fiscais por fraude no leite
[18/12/2014] - PEC da demarcação ficou para 2015
[18/12/2014] - Senado derruba emplacamento mas depende de Dilma
[18/12/2014] - Recomposição de reserva legal vai à Justiça
[17/12/2014] - Crise na Rússia derruba exportações em dezembro
[17/12/2014] - IMEA prevê demanda forte por carnes
[17/12/2014] - Frigoríficos aumentam a pressão sobre a arroba
[17/12/2014] - Agro gerou quase meio trilhão de reais em 2014
[17/12/2014] - Alta nos custos preocupa pecuaristas
[17/12/2014] - Preços dos lácteos continuam caindo
[17/12/2014] - Nova operação policial contra leite adulterado
[17/12/2014] - Furtos levam medo a propriedades rurais
[16/12/2014] - BNDES transforma donos do JBS em bilionários
[16/12/2014] - Dilma elogia Kátia Abreu em posse na CNA
[16/12/2014] - Arroba: escalas mais logas, pressão de baixa
[16/12/2014] - Brasil importou menos lácteos em novembro
[16/12/2014] - Laboratório que falsificava agrotóxicos é fechado
[15/12/2014] - Frigoríficos do Brasil puxam embarques do Uruguai
[15/12/2014] - Bezerro subiu duas vezes mais que o boi no PR
[15/12/2014] - Arroba: frigoríficos tentam segurar as cotações
[15/12/2014] - Sementes de pastagem estão mais baratas
[15/12/2014] - Operação do MP faz produtor inocente perder leite
[12/12/2014] - Rússia: uma decepção para a pecuária bovina
[12/12/2014] - Oferta melhora e frigoríficos pagam menos
[12/12/2014] - Abate de fêmeas tem queda
[12/12/2014] - Pecuária puxa crescimento da indústria de ração
[12/12/2014] - Abates no Paraná cresceram 8,5%
[12/12/2014] - Pastagens: 45% tem baixa produtividade
[12/12/2014] - Vigor, do grupo JBS, quer voltar às compras
[12/12/2014] - LBR tem problemas com produtores e muda plano
[11/12/2014] - Exportações de carne devem continuar fortes
[11/12/2014] - Arroba do boi cai em São Paulo
[11/12/2014] - CEPEA: confinamento pressiona arroba
[11/12/2014] - Abates caíram 4,5% no trimestre, segundo o IBGE
[11/12/2014] - Wesley Batista nega lobby contra Kátia Abreu
[11/12/2014] - JBS negocia a compra de outro banco
[11/12/2014] - Frigoríficos perdem votação da MP da inspeção
[11/12/2014] - Comissão aprova isenção do emplacamento
[11/12/2014] - Sessão polêmica adia PEC da demarcação
[10/12/2014] - Rússia pode reduzir compra de carne em até 20%
[10/12/2014] - Minerva: oferta de gado será menor em 2015
[10/12/2014] - Oferta curta mantém o mercado firme para o boi
[10/12/2014] - Exportações de carne do MT podem bater recorde
[10/12/2014] - Agro deverá aumentar participação no PIB
[10/12/2014] - Está mais caro produzir leite
[10/12/2014] - Medida que favoreceria JBS volta em nova MP
[10/12/2014] - Congresso pode votar hoje emplacamento de trator
[09/12/2014] - Frigoríficos voltam a tentar pressionar o boi

     Clique aqui para ver o índice geral de noticias


 

 

 

Adicione seu site Comprar e vender Atendimento ao anunciante Mais buscados

Venda para a pecuária brasileira através da Internet!
Clique aqui e veja como anunciar no Pecuária.com.br