Cotações Mapas Notícias em seu e-mail
Precisa vender? Mais de 6.000 visitantes diariamente esperam pelo seu produto aqui no Pecuaria.com.br. Clique aqui e veja como e facil anunciar!
Arroba do Boi - R$ (À vista)
SP MS MG
200,00 185,00 193,00
GO MT RJ
190,00 188,00 181,00
Reposição - SP - R$
Bezerro 12m 1830,00
Garrote 18m 2170,00
Boi Magro 30m 2690,00
Bezerra 12m 1370,00
Novilha 18m 1620,00
Vaca Boiadeira 1850,00

Atualizado em: 19/2/2020 09:56

Cotações da Arroba: SP-Noroeste, MS-Três Lagoas, MG - Triângulo, GO - Região Sul, MT - Rondonópolis, RJ-Campos
Clique aqui e veja cotações anteriores

 

 

 

 


 
Receba, diariamente, em seu
e-mail nosso boletim com os assuntos que mais interessam
ao profissional do setor.

Clique aqui e inscreva-se gratuitamente.


Adriano Garcia
MTb 10252-MG

 

Controladores do Minerva venderão ações

 
 
 
Publicado em 17/01/2020

A fa­mí­lia Vi­le­la de Qu­ei­roz, que con­tro­la a Mi­ner­va Fo­ods com 27,2% do ca­pi­tal, ve­rá sua par­ti­ci­pa­ção cair pa­ra me­nos de 20% após a ofer­ta pú­bli­ca de ações. Na operação, os con­tro­la­do­res ven­de­rão 15 mi­lhões de ações, le­van­tan­do cer­ca de R$ 225 mi­lhões. O va­lor considera o pre­ço das ações da em­pre­sa no fe­cha­men­to de on­tem — R$ 14,99.

Ape­sar da di­lui­ção aci­o­ná­ria, a fa­mí­lia do pre­si­den­te Fer­nan­do Gal­let­ti de Qu­ei­roz não per­de­rá o con­tro­le e, até 2021, os Vi­le­la de Qu­ei­roz de­vem vol­tar a ter mais de 20% de par­ti­ci­pa­ção na Mi­ner­va. Is­so por­que eles têm 47 mi­lhões de bô­nus de subs­cri­ção — op­ção de com­pra de ações da Mi­ner­va que vence no fim de 2021. Quan­do exer­ce­rem as op­ções, pa­gan­do “só” R$ 6,42 por papel, a fa­tia da fa­mí­lia che­ga­rá a 24%.

Ape­sar da di­lui­ção aci­o­ná­ria, a fa­mí­lia do pre­si­den­te Fer­nan­do Gal­let­ti de Qu­ei­roz não per­de­rá o con­tro­le e, até 2021, os Vi­le­la de Qu­ei­roz de­vem vol­tar a ter mais de 20% de par­ti­ci­pa­ção na Mi­ner­va. Is­so por­que eles têm 47 mi­lhões de bô­nus de subs­cri­ção — op­ção de com­pra de ações da Mi­ner­va que vence no fim de 2021. Quan­do exer­ce­rem as op­ções, pa­gan­do “só” R$ 6,42 por papel, a fa­tia da fa­mí­lia che­ga­rá a 24%.

Pa­ra man­ter o po­der de in­di­car cin­co dos dez mem­bros do con­se­lho de ad­mi­nis­tra­ção, o acor­do de acionistas en­tre a VDQ — hol­ding dos Vi­le­la de Qu­ei­roz — e a Sau­di Agri­cul­tu­re and Li­ves­tock In­vest­ment Com­pany (Sa­lic), ges­to­ra vin­cu­la­da ao rei­no da Ará­bia Sau­di­ta, foi adi­ta­do. Com is­so, a fa­mí­lia po­de­rá in­di­car cin­co con­se­lhei­ros se ti­ver no mí­ni­mo 15% das ações. An­tes, o pi­so era de 20%. A Sa­lic é a mai­or só­cia da Mi­ner­va, com uma par­ti­ci­pa­ção de 30,7%.

Com os re­cur­sos que re­ce­be­rá na ofer­ta de ações, a hol­ding dos Vi­le­la de Qu­ei­roz deve fa­zer ajus­tes in­ter­nos. Va­le lembrar que a VDQ se en­di­vi­dou em 2018 pa­ra apor­tar re­cur­sos na Mi­ner­va em um mo­men­to no qual a em­pre­sa pas­sa­va por di­fi­cul­da­des. Na­que­le ano, a hol­ding fa­mi­li­ar emi­tiu R$ 350 mi­lhões em de­bên­tu­res com ven­ci­men­to em 2023.

Com os re­cur­sos que re­ce­be­rá na ofer­ta de ações, a hol­ding dos Vi­le­la de Qu­ei­roz deve fa­zer ajus­tes in­ter­nos. Va­le lembrar que a VDQ se en­di­vi­dou em 2018 pa­ra apor­tar re­cur­sos na Mi­ner­va em um mo­men­to no qual a em­pre­sa pas­sa­va por di­fi­cul­da­des. Na­que­le ano, a hol­ding fa­mi­li­ar emi­tiu R$ 350 mi­lhões em de­bên­tu­res com ven­ci­men­to em 2023.

As mu­dan­ças na VDQ po­dem in­cluir a saí­da de al­guns só­ci­os da hol­ding, con­for­me uma fon­te. Com informações do Valor.

  Compartilhe Compartilhe esta matéria    Imprimir

 


   Leia também:
 
[19/02/2020] - Carnaval pode puxar a demanda pelo boi
[19/02/2020] - Pecuarista segura as vendas esperando a alta
[19/02/2020] - Um estado onde o boi subiu mais de 10%
[19/02/2020] - Reposição: preços continuam subindo
[19/02/2020] - Qual o novo patamar para a arroba do boi?
[19/02/2020] - Minerva lucra com exportações à China
[19/02/2020] - JBS faz mais um investimento bilionário nos EUA
[19/02/2020] - Câmara aprova a MP do Agro
[19/02/2020] - Caminhoneiros param para pressionar o STF

Regras para a publicação de comentários


   Notícias Anteriores
 
[18/02/2020] - Arroba: o Carnaval vai puxar as cotações?
[18/02/2020] - Boi: mercado está devagar. O que analistas dizem?
[18/02/2020] - Exportações devem cair em fevereiro. Por quê?
[18/02/2020] - Exportação de boi em pé caiu em janeiro
[18/02/2020] - Frigoríficos: disparada do boi não fazia sentido
[18/02/2020] - Marfrig dispara e lidera altas na bolsa
[18/02/2020] - China reduz impostos sobre a carne bovina dos EUA
[18/02/2020] - Contêineres de carne se acumulam na China
[18/02/2020] - Avanço do coronavírus tem queda
[18/02/2020] - Coronavírus: menos de 5% dos casos são graves
[18/02/2020] - IGP-M fica estável na segunda prévia de fevereiro
[18/02/2020] - Caminhoneiros querem paralisação nacional hoje
[18/02/2020] - CNA não crê em acordo com caminhoneiros
[18/02/2020] - Equipe econômica mantém previsão de alta do PIB
[17/02/2020] - Arroba: o que esperar desta semana?
[17/02/2020] - Vírus pode aumentar exportações de carne do Brasil
[17/02/2020] - China: controle do coronavírus começa a funcionar
[17/02/2020] - STJ nega sequestro milionário nas contas da JBS
[17/02/2020] - CNA prevê alta forte para a pecuária em 2020
[17/02/2020] - Alta do milho preocupa produtores de leite
[17/02/2020] - Preço do milho volta a subir
[17/02/2020] - UE faz campanha clara contra o Brasil, diz Tereza
[17/02/2020] - Produtores rurais argentinos planejam greve
[17/02/2020] - Caminhoneiros protestam no Porto de Santos
[14/02/2020] - Arroba do boi já bateu até R$ 210. Sobe mais?
[14/02/2020] - Arroba: frigoríficos compraram boi pro Carnaval
[14/02/2020] - Minerva aposta em forte alta nas exportações
[14/02/2020] - Mais um país abre mercado à carne do Brasil
[14/02/2020] - IBGE: desemprego caiu em 16 estados
[14/02/2020] - Prévia do PIB de 2019 decepciona
[14/02/2020] - Coronavírus pode adiar saída do BNDES da JBS
[14/02/2020] - Fux adia novamente julgamento da tabela de frete
[14/02/2020] - CNA: tabelamento de frete prejudica o setor
[13/02/2020] - Arroba do boi segue em ritmo de alta
[13/02/2020] - Exportações podem bater recorde em fevereiro
[13/02/2020] - Vendas à China seguiram fortes em janeiro
[13/02/2020] - Exportações de carne salvam balança do agro
[13/02/2020] - Província chinesa registra 242 mortes em um dia
[13/02/2020] - Por que os números do coronavírus subiram tanto?
[13/02/2020] - Coronavírus vai afetar economia do Brasil, diz BC
[13/02/2020] - Frigoríficos do MS esperam crescimento com China
[13/02/2020] - Abates recuaram no quarto trimestre de 2019
[13/02/2020] - Tabela de frete: governo pede adiamento ao STF
[12/02/2020] - Arroba: pecuarista segura o boi à espera da alta
[12/02/2020] - O preço da carne bovina vai subir?
[12/02/2020] - Preço do garrote subiu quase 50% no Tocantins
[12/02/2020] - Milho dispara e bate recorde de preço
[12/02/2020] - China diz que baterá metas econômicas em 2020
[12/02/2020] - Qual será o impacto econômico do coronavírus?
[12/02/2020] - Câmara aprova texto da MP do Crédito Rural

     Clique aqui para ver o índice geral de noticias


 

 

 

Adicione seu site Comprar e vender Atendimento ao anunciante Mais buscados

Venda para a pecuária brasileira através da Internet!
Clique aqui e veja como anunciar no Pecuária.com.br