Cotações Mapas Notícias em seu e-mail
Precisa vender? Mais de 6.000 visitantes diariamente esperam pelo seu produto aqui no Pecuaria.com.br. Clique aqui e veja como e facil anunciar!
Arroba do Boi - R$ (À vista)
SP MS MG
152,00 139,00 149,00
GO MT RJ
139,00 139,00 143,00
Reposição - SP - R$
Bezerro 12m 1500,00
Garrote 18m 1820,00
Boi Magro 30m 2060,00
Bezerra 12m 1140,00
Novilha 18m 1360,00
Vaca Boiadeira 1520,00

Atualizado em: 19/7/2019 10:14

Cotações da Arroba: SP-Noroeste, MS-Três Lagoas, MG - Triângulo, GO - Região Sul, MT - Rondonópolis, RJ-Campos
Clique aqui e veja cotações anteriores

 

 

 

 


 
Receba, diariamente, em seu
e-mail nosso boletim com os assuntos que mais interessam
ao profissional do setor.

Clique aqui e inscreva-se gratuitamente.


Adriano Garcia
MTb 10252-MG

 

Brasil e Paraguai reforçarão vigilância sanitária

 
 
 
Publicado em 10/07/2019

Brasil e Paraguai anunciaram nesta terça-feira (9) que vão reforçar a vigilância sanitária na fronteira para proteger a produção de gado e de soja, duas das principais atividades econômicas dos dois países.

O acordo, que ainda precisa ter sinal verde das áreas jurídicas dos dois governos, prevê a criação de unidades regionais de vigilância sanitária dos dois lados da fronteira, além de estabelecer vínculos entre os responsáveis pelas áreas de controle.

As medidas foram anunciadas após uma reunião da ministra da Agricultura, Tereza Cristina, com representantes do governo do Paraguai, em Assunção. O governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja, também esteve presente no encontro.

A estratégia faz parte do plano hemisférico de erradicação da febre aftosa e também inclui o registro de produtores e da população bovina que vive em um raio de 15 km da fronteira. Além disso, os dois governos lançarão um projeto de controle integrado da movimentação dos rebanhos, que deverá ser atualizado a cada quatro meses.

A ministra Tereza Cristina propôs a participação de outros países da região em um banco de vacinas contra a febre aftosa que está sendo criado pelo Brasil.

As autoridades dos dois países também decidiram realizar encontros bilaterais a cada quatro meses para avaliar as medidas de vigilância adotadas hoje.

Quanto à soja, os dois países devem assinar em agosto um acordo sobre a "troca de ações sobre o registro de pesticidas".

Durante a reunião técnica, a delegação brasileira foi recebida pelo presidente do Paraguai, Mario Abdo Benítez, no Palácio do Governo. Azambuja aproveitou o encontro para destacar a contribuição que a construção de duas novas pontes na fronteira trará ao comércio bilateral.

"Essas obras ampliarão nossos mercados e farão com que Mato Grosso do Sul possa ter acesso ao Pacífico cruzando o Paraguai", disse o governador.

Uma delas conectará a cidade de Carmelo Peralta, no território paraguaio, a Porto Murtinho, no Mato Grosso do Sul. Com informações do G1.
 

  Compartilhe Compartilhe esta matéria    Imprimir

 


   Leia também:
 
[19/07/2019] - Consultoria prevê alta de 12% nas exportações
[19/07/2019] - Arroba: frigoríficos pressionam o preço do boi
[19/07/2019] - Carne: consumo piorou, mas preço não caiu
[19/07/2019] - Liberação do FGTS pode ser ótima para o Agro
[19/07/2019] - O preço do leite vai mesmo despencar?
[19/07/2019] - Exportações de milho podem bater recorde
[19/07/2019] - Delegado da PF é nomeado presidente da Funai

Regras para a publicação de comentários


   Notícias Anteriores
 
[19/07/2019] - Ministro promete nova reunião sobre frete
[19/07/2019] - Caminhoneiros voltam a ameaçar entrar em greve
[19/07/2019] - Bolsonaro não cré em nova greve
[19/07/2019] - Projeto acaba com licença ambiental para estradas
[18/07/2019] - China deve habilitar mais 25 frigoríficos
[18/07/2019] - China inspeciona frigoríficos até por aplicativo
[18/07/2019] - Preço da carne continua a subir na China
[18/07/2019] - China aumenta importações de carne da Europa
[18/07/2019] - Arroba: pecuarista segura o boi esperando alta
[18/07/2019] - Como ficará o confinamento em 2019?
[18/07/2019] - Marfrig emitirá R$ 300 milhões em dívida
[18/07/2019] - Reposição firme em Rondônia
[18/07/2019] - Liberdade para os produtores de queijo artesanal
[18/07/2019] - Paraguai exige divisão da cota de carne à Europa
[18/07/2019] - Aftosa: Paraná pode não vacinar já em novembro
[18/07/2019] - Reforma da previdência passa de R$ 900 bi
[18/07/2019] - Imposto maior sobre o milho revolta produtores
[17/07/2019] - Exportações devem crescer com doença na China
[17/07/2019] - Arroba: como ficará o preço do boi em agosto?
[17/07/2019] - Preço da carne subiu no atacado
[17/07/2019] - Arroba: frigoríficos pressionam a arroba do boi
[17/07/2019] - Rebanho bovino cresceu no Mato Grosso
[17/07/2019] - Crise eleva abates de vacas na Argentina
[17/07/2019] - Deputado quer proibir cães na caça ao javali
[17/07/2019] - ANTT aprova mudanças na tabela de frete
[16/07/2019] - Como estão as exportações de carne em julho?
[16/07/2019] - Arroba: mercado devagar e indefinido
[16/07/2019] - Exportações de carne do MS cresceram 60%
[16/07/2019] - Turquia está importando menos bois do Brasil
[16/07/2019] - PIB da Pecuária sobe e evita queda maior do Agro
[16/07/2019] - Mercosul avança em novos acordos comerciais
[16/07/2019] - Impostos travam investimento na pecuária do MT
[16/07/2019] - Agro: 97% das exportações do Mato Grosso
[16/07/2019] - Indenizações sanitárias em alta no RS
[15/07/2019] - Há espaço para uma alta da arroba do boi?
[15/07/2019] - Arroba: o que está segurando uma alta do boi?
[15/07/2019] - Pecuária mostra força e puxa vendas do Agro
[15/07/2019] - Milho: exportações seguem fortes
[15/07/2019] - Milho: recordes travam negócios
[15/07/2019] - Acordo UE-Mercosul: agora, italianos protestam
[12/07/2019] - Fusão BRF-Marfrig não vai acontecer
[12/07/2019] - Por que a fusão BRF-Marfrig fracassou?
[12/07/2019] - PIB da Pecuária deve crescer mais de 7%
[12/07/2019] - Arroba: consumo interno está segurando o boi
[12/07/2019] - Reposição: mercado congela com tempo frio
[12/07/2019] - MAPA marca auditoria para retirar vacina no RS
[12/07/2019] - Acordo com a UE pode começar a valer em 2 anos
[12/07/2019] - Produtores não aceitam imposto maior no MT
[12/07/2019] - Polícia prende cobradores de dívidas rurais
[11/07/2019] - Arroba: frio pressiona o preço do boi

     Clique aqui para ver o índice geral de noticias


 

 

 

Adicione seu site Comprar e vender Atendimento ao anunciante Mais buscados

Venda para a pecuária brasileira através da Internet!
Clique aqui e veja como anunciar no Pecuária.com.br