Cotações Mapas Notícias em seu e-mail
Precisa vender? Mais de 6.000 visitantes diariamente esperam pelo seu produto aqui no Pecuaria.com.br. Clique aqui e veja como e facil anunciar!
 
 
 
 


 
Receba, diariamente, em seu
e-mail nosso boletim com os assuntos que mais interessam
ao profissional do setor.

Clique aqui e inscreva-se gratuitamente.


Adriano Garcia
MTb 10252-MG

 

Receita publica regras para o ITR 2011
 
 
Publicado em 22/06/2011

A Receita Federal do Brasil publicou nesta terça, dia 21, no Diário Oficial da União a Instrução Normativa 1.166 com as regras para a declaração do Imposto sobre Propriedade Territorial Rural (ITR) de 2011. A Receita Federal informou que espera receber cinco milhões de declarações no período de 22 de agosto e 30 de setembro deste ano.

A entrega ocorrerá por meio da internet, no site da Receita Federal, em mídia removível nas agências do Banco do Brasil ou da Caixa Econômica Federal, ou ainda por meio de um formulário. O formulário custa R$ 6 nas agências e franqueadas dos correios, onde também deve ser entregue a declaração do ITR. Se o proprietário rural optar ou for obrigado a entregar a declaração pela internet, o prazo vai até as 23h59 do dia 30 de setembro. Se a entrega for feita nos bancos ou nos correios, o prazo é até o final do horário de expediente das agências nesse dia.

Devem entregar as declarações de ITR 2011 todas as pessoas físicas ou jurídicas proprietárias, titulares do domínio ou usufrutuárias, além de condôminos, inventariantes e até mesmo os que perderam a posse de imóveis rurais até 1º de janeiro de 2011. A entrega do ITR pela internet é obrigatória para as pessoas jurídicas proprietárias de terra, além das pessoas físicas que sofreram desapropriações ou tiveram perdas de posse do imóvel.

Também são obrigadas a declarar o ITR pela internet as pessoas físicas proprietárias de imóveis rurais com áreas: acima de um mil hectares em municípios da Amazônia Ocidental ou no Pantanal mato-grossense e no sul-mato-grossense; acima de 500 hectares no Polígono das Secas ou na Amazônia Oriental e acima de 200 hectares, se localizado em qualquer outro município.

As declarações retificadoras realizadas em qualquer prazo, ou ainda as originais entregues após o prazo de 30 de setembro, só poderão ser feitas utilizando o programa gerador da Receita Federal e devem ser enviadas pela internet, ou em mídias móveis entregues nas unidades do órgão.

A declaração de ITR será composta pelo Documento de Informação e Atualização Cadastral do ITR (Diac), com os dados do proprietário e do imóvel e do Documento de Informação e Apuração do ITR (Diat), com as informações para o cálculo do valor do ITR, exceto para os imóveis isentos.

As multas para as declarações do ITR entregues com atraso variam de R$ 50 a 1% ao mês sobre o valor do imposto devido. O valor apurado do imposto para os não isentos deve ser pago em até quatro parcelas mensais desde que cada parcela não seja inferior a R$ 50. O ITR com valor inferior a R$ 100 deve ser pago em cota única. Todas as informações sobre a Instrução Normativa do ITR 2011 estão no site da Receita Federal, no link Legislação. Com informações do portal Estadão.

  Compartilhe Compartilhe esta matéria    Imprimir


   Leia também:
 
[21/11/2014] - JBS faz novas aquisições no Brasil e na Austrália
[21/11/2014] - Minerva quer crescer na América do Sul
[21/11/2014] - O preço da carne caiu. E o boi?
[21/11/2014] - CEPEA: preço da arroba sobe com oferta curta
[21/11/2014] - Qual a tendência para o preço das carnes?
[21/11/2014] - Produtores investem de olho na alta da arroba
[21/11/2014] - Proibida, cama de frango ainda gera autuações

Regras para a publicação de comentários


   Notícias Anteriores
 
[21/11/2014] - Milho tem forte alta
[20/11/2014] - Projeto aprovado quer proibir confinamento em SP
[20/11/2014] - Deputados dizem que MP da inspeção favorece JBS
[20/11/2014] - Oferta melhora um pouco e segura alta da arroba
[20/11/2014] - Alta da arroba do boi puxa preço do búfalo
[20/11/2014] - Exportações do agro caem, mas carne segue firme
[20/11/2014] - Campanha de vacinação contra aftosa acaba dia 30
[19/11/2014] - Acordo China-Austrália não deve afetar o Brasil
[19/11/2014] - Consumo trava alta da arroba do boi
[19/11/2014] - Confinamento caiu 11% em 2014 no Mato Grosso
[19/11/2014] - Embrapa desenvolve robô para analisar solo
[18/11/2014] - Rússia: de solução a preocupação
[18/11/2014] - Exportações à China podem começar em dezembro
[18/11/2014] - Arroba: mercado lento com preço firme
[18/11/2014] - Boi bate recorde de preço no Mato Grosso
[18/11/2014] - Bezerro subiu mais na Bahia
[18/11/2014] - Taxa de desfrute subiu quase 20% em 5 anos
[18/11/2014] - Preço do milho em alta
[18/11/2014] - Agro já gerou R$ 461 bi, pecuária cresceu 9,8%
[17/11/2014] - China oficializa fim do embargo à carne brasileira
[17/11/2014] - Bezerro em alta dificulta reposição
[17/11/2014] - Arroba do boi: mercado firme
[17/11/2014] - Demanda puxa preço do farelo de soja
[17/11/2014] - Chuva mal começou e preço do leite cai
[14/11/2014] - Boi já subiu 9% em 30 dias com mercado firme
[14/11/2014] - Carne: varejo reduz margem para manter vendas
[14/11/2014] - Mercado firme na reposição
[14/11/2014] - Atrasos preocupam produtores de leite
[14/11/2014] - Dólar em alta reforça balanço do JBS
[14/11/2014] - Câmbio que ajudou JBS atrapalha o Marfrig
[14/11/2014] - Bem-estar animal é tema de evento Brasil-UE
[13/11/2014] - Arroba: pagando mais, frigoríficos alongam escalas
[13/11/2014] - CEPEA: carne e arroba continuam subindo
[13/11/2014] - Lucro do JBS passa de R$ 1 bi no trimestre
[13/11/2014] - Marfrig tem prejjuízo de R$ 303 mi no trimestre
[13/11/2014] - Marfrig: não dá para repassar a alta do boi
[13/11/2014] - JBS: BNDES usa sigilo bancário para ocultar dados
[12/11/2014] - Forte alta nas exportações puxam demanda
[12/11/2014] - Arroba do boi caminha rumo aos R$ 150
[12/11/2014] - Arroba do boi bate recorde histórico no MT
[12/11/2014] - JBS doou R$ 253 mi a campanhas políticas em 2014
[12/11/2014] - Exportação de lácteos em alta
[12/11/2014] - Costa Rica procura genética leiteira do Brasil
[11/11/2014] - Carne: exportações em alta seguram a balança
[11/11/2014] - Brasil exporta mais carne em novembro
[11/11/2014] - Arroba do boi segue subindo firme
[11/11/2014] - Governo tenta efetivar abertura do mercado chinês
[11/11/2014] - Exportação de carne do RS sobe quase 40%
[11/11/2014] - Pecuaristas gastarão R$ 48 mi com vacinas no MT
[10/11/2014] - Arroba continua subindo forte

     Clique aqui para ver o índice geral de noticias


 

 

 

Adicione seu site Comprar e vender Atendimento ao anunciante Mais buscados

Venda para a pecuária brasileira através da Internet!
Clique aqui e veja como anunciar no Pecuária.com.br